Menu

Blog

01 de Abril de 2016

A estilista por trás dos vestidos de Klimt


Quem nunca ficou impressionado com os belos vestidos retratados e explorados ao máximo nos quadros de Klimt? Acontece que as vestes não eram obra da imaginação do pintor, mas de Emilie Flöge, uma estilista de Viena.



Com seu olhar apurado e gosto bastante a frente de seu tempo, Emilie conheceu Klimt aos 18 anos e eles se tornaram amigos instantaneamente. Diferente de tudo que era criado na época, os vestidos de Emilie deveriam ser usados sem espartilho, o que tornava as peças bastante confortáveis para as mulheres, sendo suas principais inspirações o movimento feminista da época e o estilo de vida boêmio, que encontrou em Klimt.



Mesmo que seus vestidos não fizessem muito sucesso entre a clientela, Klimt os adorava e vestia figuras da alta sociedade vienense com as criações da amiga, inclusive Adele Bloch-Bauer em seu primeiro retrato feito pelo pintor e também o quadro mais famoso dele, “Mulher de Ouro”, Adele Bloch-Bauer I, de 1907.



Os vestidos de Emilie ainda servem de inspiração para muitos estilistas. Para a coleção de inverno ready-to-wear 2015 da Valentino, os designers Maria Grazia Chiuri e Pierpaolo Piccioli criaram vestidos incríveis inspirados em Emilie. 


Sobre o autor

Renauxview

Comentários

Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades da Renauxview

Fique tranquilo nós também odiamos spam ;)