Menu

Blog

01 de Junho de 2019

Orange Fiber, a empresa que cria tecidos feitos de cascas de laranja

A indústria têxtil está sempre se reinventando, e isso não é surpresa nenhuma. Porém, há algum tempo os debates sobre fibras mais sustentáveis e veganas têm levado marcas de nicho a procurar opções que se encaixem nestes padrões e não sejam tão agressivas ao meio ambiente.

A partir desta motivação surgiu, em 2014, a Orange Fiber. A empresa foi fundada por Adriana Santanocino e Enrica Arena, que compartilhavam a mesma sede por inovação. Em setembro do mesmo ano, o primeiro protótipo do tecido foi apresentado durante o Vogue Fashion's Night Out, em Milão.





Com uma tecnologia própria e patenteada que extrai a celulose do que sobra nas cascas após uma fruta ser espremida, a marca desenvolveu um tecido leve e macio, parecido com seda. As fibras podem ser misturadas com outros materiais, como algodão e elastano, oferecendo ainda mais versatilidade ao produto. Efeitos opacos ou acetinados podem ser manipulados de acordo com a necessidade do cliente, e o fio permite também tingimento e estamparia.



Atualmente, a Orange Fiber conta com quatro tecidos já prontos, que variam em peso e composição. Para a coleção primavera-verão 17, a grife Salvatore Ferragamo utilizou os tecidos da empresa para criar uma coleção cápsula com peças fluidas, exaltando a herança italiana de ambas as marcas.





Para a Conscious Exclusive Collection, uma coleção que utiliza apenas matérias-primas sustentáveis, a H&M também escolheu a fibra feita a partir de laranjas para compor a coleção.



Além da grande importância para o meio ambiente, nós também adoramos ver as inúmeras possibilidades que podem ser desenvolvidas na hora de criar um tecido. E vocês?

Sobre o autor

Comentários

Newsletter

Fique por dentro de todas as novidades da Renauxview

Fique tranquilo nós também odiamos spam ;)